Programa Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019 (Lista de Aprovados)

Programa Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019  (Lista de Aprovados)

Cursos de extensão com o objetivo de viabilizar modelos de negócio e start-ups.

 escolaInovadoresFatec

 

 

 

 

 

 

 

 

Encerramento da Escola de Inovadores – Fatec Ipiranga 2019

 

Foram 10 encontros trabalhados em forma de oficinas. Cada projeto com tema específico, orientados pela visão prática de profissionais capacitados, complementam para estruturação da atividade com o objetivo de viabilizar os modelos de negócios. Foram apresentados projetos sustentáveis com grande potencial de inovação e desenvolvimento.

 

Clique aqui: GeCom Notícias - Fatec Ipiranga

 

 

PROJETO ESCOLA DE INOVADORES - Fatec Ipiranga (GeCOM Notícias)

Clique aqui

 

 Lista de Aprovados: Programa Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019

Clique aqui

1. ESCOLA DE INOVADORES – O QUE É?

 

A escola de inovadores é um programa de empreendedorismo criado pela Agência

INOVA Paula Souza que visa fornecer ferramental básico de Empreendedorismo e Inovação disponibilizando um ambiente criativo para que os participantes se capacitem a desenvolvam modelos de negócios sustentáveis com a finalidade de viabilizarem-nos, num próximo passo, por meio da criação e desenvolvimento de suas próprias empresas ou startups

 

2. PÚBLICO ALVO

Notadamente alunos e ex-alunos de cursos técnicos e tecnológicos do Centro Paula Souza ou de qualquer instituição de ensino público ou privado de nível médio, médiotécnico ou superior, bem como empreendedores da região. 

Requisitos: Pertencer à comunidade local/regional; estar determinado a empreender e apresentar projeto com potencial de inovação; participar das aulas presencias com no mínimo 75% de frequência; participar do Balcão de Mentoria obrigatoriamente.

 

3. METODOLOGIA  

A metodologia está fundamentada no aprender fazendo, ou seja, na modelagem do negócio onde o proponente recebe orientações práticas em ambientes estruturados para esse programa.  O Programa Escola de Inovadores contempla quatro fases, a saber: (1) Divulgação da Escola de Inovadores: (2) Classificação e seleção dos projetos com potenciais para inovação; (3) Desenvolvimento do programa e, (4) Exposição de projetos.

 

4. JUSTIFICATIVAS  

A economia atual demanda cada vez mais soluções inovadoras, por isso é necessário unir – de maneira multidisciplinar – diferentes temas e serviços para apoiar o desenvolvimento de projetos de negócios sustentáveis. Diante disso, as unidades de ensino do Centro Paula Souza (FATECs e ETECs) possuem em seu currículo diversas áreas que, combinadas e bem trabalhadas, podem auxiliar na consecução de projetos significativos para o bem-estar da comunidade em geral. Portanto, a criação esse programa aconteceu devido a necessidade premente no modelo de formação institucional. Acrescenta-se a isso as características de algumas regiões ou localidades, vislumbra-se claramente a utilidade da iniciativa apresentada nesse programa.

 

5. DIRETRIZES DE IMPLANTAÇÃO DA ESCOLA DE INOVADORES  

Para viabilizar as ações desse Programa nas unidades de ensino do Centro Paula Souza faz-se necessário observar as seguintes etapas e condições:

    1. Verificação prévia das condições favoráveis à implantação da Escola de Inovadores, que inclui o mapeamento preliminar do ambiente de empreendedorismo e inovação realizada pela unidade em conjunto com o Agente de Inovação.
    2. Aprovação da implantação do Programa Escola de Inovadores na unidade pela Congregação nas FATECs e pelo Conselho de Escola nas ETECs.
    3. Disponibilização de estrutura física na unidade ou em ambientes fornecidos por colaboradores das unidades que sejam favoráveis às práticas do empreendedorismo como por exemplo, ambientes de coworking, incubadoras e Parques Tecnológicos.
    4. Disponibilização pela unidade, de um professor que receberá até 4HAEs e terá dentre outras as seguintes funções: receber palestrantes, controlar listas de presenças e todos os trâmites relacionados aos eventos.
    5. A emissão de certificados e os custos de coffee break serão de responsabilidade de cada unidade. Recomenda-se para tanto que sejam buscados apoios externos para esse fim.
    6. A unidade responsável pela implantação Programa Escola de Inovadores poderá contar com o apoio de outras instituições, profissionais e empresas locais a fim de viabilizar, da melhor forma possível, a realização do projeto.
    7. A divulgação do Projeto Escola de Inovadores bem como a seleção dos projetos inscritos é de responsabilidade da unidade com o apoio formal do Agente de Inovação da Agência INOVA Paula Souza que atende a regional na qual a unidade se encontra.

 

6. METODOLOGIA  

A metodologia está fundamentada no aprender fazendo, ou seja, na modelagem do negócio onde o proponente recebe orientações práticas em ambientes estruturados para esse programa. 

 

7. DESENVOLVIMENTO E ESTRUTURAÇÃO DO PROGRAMA   

O desenvolvimento do Programa Escola de Inovadores acontecerá no formato de um curso de extensão com 40 horas, gratuito, distribuídos em 10 encontros presenciais de 4 horas cada.  Tais encontros poderão ser organizados semanalmente, quando serão abordados e trabalhados em forma de oficinas os temas específicos que se complementam para apoiar os projetos, conforme estruturação de atividades apresentados a seguir. 

 

8. DO PROCESSO SELETIVO

  • 10/06/ a 23/08/2019 – Divulgação a ser preparada pelo professor indicado pela unidade e pelo Agente de Inovação em Site, Facebook, Parceiros, release mídia jornalística
  • 01/08 a 23/08/2019 – Período de inscrição dos candidatos deverá ser feito no site da Agência INOVA Paula Souza por meio do link:

 http://www.inovapaulasouza.cps.sp.gov.br/structure/escola.jsp  

  • 02/09 a 06/09/2019 – Análise das inscrições, processo seletivo. A avaliação das inscrições será realizada por um Comitê composto por membros da unidade CPS, empresários e pelo Agente de Inovação (INOVA Paula Souza).

8.1 Critérios de Avaliação: O Comitê fará a avaliação da seguinte forma: A pontuação será feita com base na escala Likert (5 – excelente a 1 – não atende), considerando os seguintes critérios: (i) Conteúdo de inovação dos produtos ou serviços a serem ofertados; (ii) Potencial mercadológico; (iii) Potencial de geração de valor; (iv) Viabilidade técnica /Potencialidade de empreendedorismo; 

  1. 09/09/2019 – Divulgação dos projetos selecionados no site da unidade escolhida e/ou por email.
  2. 16/09 a 21/09/2019 - Início das capacitações no local e data informado pela unidade.
  3. Os candidatos com projetos selecionados que não participarem do 1º encontro serão automaticamente desclassificados, exceto em caso de manifestação por escrito ao Agente de Inovação justificando a ausência. Em caso de desclassificação será convocado o próximo integrante da lista de espera.
  4. Contato: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

9. DO NÚMERO DE VAGAS

Vagas: Serão selecionados 10 a 25 projetos (depende da estrutura física de cada unidade) com até 3 participantes cada. 

 

10. DISPOSIÇÕES FINAIS

Os candidatos devem estar cientes de todo processo deste Edital, respeitar os prazos e preencher todas as informações do processo de inscrição disponíveis no site, que são: IDENTIFICAÇÃO DO PROPONENTE (Anexo A) e FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO DE PROJETO (Anexo B).

 

 

São Paulo, 29 de abril de 2019.

 

Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019
Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019
Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019
Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019
Saber empreender com atitudes empreendedoras
Saber empreender com atitudes empreendedoras
Saber empreender com atitudes empreendedoras
Saber empreender com atitudes empreendedoras
Saber empreender com atitudes empreendedoras
Saber empreender com atitudes empreendedoras
Saber empreender com atitudes empreendedoras
Saber empreender com atitudes empreendedoras
Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019 - Desafio do Marshmallow
Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019 - Desafio do Marshmallow
Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019 - Problema, Ideação e Solução
Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019
Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019 - Problema, Ideação e Solução
Escola de Inovadores - Fatec Ipiranga 2019 - Problema, Ideação e Solução

Informação do evento

Event Date Qui, 01 Ago 2019
Event End Date Sex, 23 Ago 2019
Registration Start Date Sáb, 17 Ago 2019
Cut off date Sex, 23 Ago 2019 - 23:55
Preço individual Gratuito
Location Fatec Ipiranga
Attachment Edital do Programa Escola de Inovadores 2019-2-1.pdf
Lista-de-Aprovados-Programa-Escola-de-Inovadores-Fatec-Ipiranga.pdf

Mapa de localização

Vagas completas
Encontro 01: 21/09/2019 - 14 às 18 hs

Apresentação da Agência INOVA; Apresentação das Metas da Escola de Inovadores

Palestra Âncora; Apresentação dos Projetos Selecionados Objetivos: O primeiro encontro será caracterizado como evento de lançamento da Escola de Inovadores junto à comunidade local. Neste momento são convidadas lideranças locais (empresários e representantes de entidades do poder público), professores e alunos da unidade de ensino. Inicialmente, faz-se uma abertura oficial da Escola de Inovadores com o Diretor ou um representante da unidade. Em seguida, o Agente de Inovação passará informações gerais sobre a Agência e o programa Escola de Inovadores. Na sequência, os projetos aprovados são brevemente apresentados. Resultados Esperados: Apresentação dos objetivos da escola de inovadores, com alinhamento das expectativas e tira dúvidas; Empreendedores e negócios devidamente apresentados.

Encontro 02: 28/09/2019 - 14 às 18 hs

Saber empreender com atitudes empreendedoras

Objetivos: Nessa etapa os participantes aprendem sobre gestão empresarial básica e comportamentos empreendedores que são direcionamentos essenciais ao sucesso dos projetos. Os principais objetivos concentram-se em estimular o desenvolvimento das características empreendedoras, bem como em ampliar a visão dos participantes sobre gestão básica de negócios, envolvendo prioritariamente as seguintes dimensões: mercado, operações e finanças empresariais. Por ser uma etapa que trabalha notadamente as características comportamentais, além das conceituais, são utilizadas metodologias ativas de ensino, tendo como desafio a criação de uma empresa por meio de jogos empresariais vivenciais. Na sequência são abordados assuntos sobre competitividade empresarial no contexto das startups. Resultados Esperados: Ampliação da visão dos participantes sobre gestão empresarial.

Encontro 03: 05/10/2019 - 14 às 18 hs

Design Thinking + Prototipagem (Produtos e Serviços)

Objetivos: Realização de um workshop sobre Design Thinking e suas técnicas (brainstorm, um dia na vida, sombra, mapa de empatia, personas, prototipagem, etc). Trabalhar o conceito do MVP (Minimun Viable Product). O intuito é que cada participante possa incrementar informações em seu negócio de forma mais assertiva, junto a possíveis clientes. Resultados Esperados: Definição da proposta de valor do negócio a partir das técnicas de Design Thinking e protótipo criado.

Encontro 04: 19/10/2019 - 14 às 18 hs

Oficina de CANVAS

Objetivos: Este encontro tem como propósito uma oficina de Canvas, na qual é apresentada a ferramenta de modelagem de negócios através de uma palestra com um especialista no assunto. Por meio de uma dinâmica lúdica, os participantes iniciam a preparação do modelo de negócio proposto. Será utilizado o Canvas disponível em ferramentas on line ou impresso em folha A3 e Post it. Resultados Esperados: Nivelamento de todos participantes sobre modelagem de negócios e Canvas preliminar desenvolvido.

Encontro 05: 26/10/2019 - 14 às 18 hs

Legalização e proteção empresarial

Objetivos: Nessa etapa os participantes devem aprender os aspectos básicos relativos à abertura de empresas e manutenção de dados obrigatórios. Um especialista deve passar os fundamentos de enquadramento MEI, ME, EPP e seu regime tributário (SIMPLES Nacional); Sociedade Limitada e EIRELI; sistemas de preenchimento e envio de nota fiscal eletrônica; noções de Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE); Nomenclatura Comum do Mercosul (NCM); utilização do Cadastro Nacional de Produtos (CNP) e obtenção de códigos de barras na GS1 Brasil; noções de termos e condições de uso de sites; política de trocas e devoluções; termos de sigilo e confidencialidade; requisitos mínimos de um contrato comercial. Resultados Esperados: Obtenção pelo aluno de noções básicas de criação e manutenção de uma empresa.

Encontro 06: 09/11/2019 - 14 às 18 hs

Tecnologia Aplicada aos Negócios

Objetivos: Neste encontro um especialista na área de tecnologia irá apresentar as facilidades que a tecnologia proporciona ao se idealizar um negócio, como por exemplo, passos para criação de página web da empresa (domínio, hospedagem), servidor em nuvem, serviços como Google AdWords, Google Analytics, entre outros. Deve-se ainda apresentar plataformas digitais de networking/coworking, como StartSe, Cubo e outras. Recomenda-se o uso do Livro A Startup de U$ 100,00 do autor Chris Guillebeau, bem como convidar representante(s) de uma startup para apresentar sua experiência. Resultados Esperados: Demonstrar a possibilidade da criação de uma startup com pouco investimento e risco, além de expor ao aluno plataformas em que ele possa demonstrar seu produto/serviço e trocar experiências com outros inovadores.

Encontro 07: 23/11/2019 - 14 às 18 hs

Fontes de financiamento para startups e a importância das relações institucionais

Objetivos: O intuito é aprender sobre investimentos no negócio. Através de palestra de um investidor ou representante de fundo de investimento e de uma empresa que recebeu aporte financeiro são tratados temas como investimento privado (anjo) e investimento público (Finep, Fapesp, BNDES, DesenvolveSP etc), Crowdfunding, Capital Venture, etc). Nessa etapa é importante a compreensão das relações institucionais, trabalho em um coworking, participação em grupos de inovação e networking, dentre outros. Resultados Esperados: Decisão sobre a necessidade ou não de investimentos e verificação de eventual acolhimento aporte financeiro.

Encontro 08: 30/11/2019 - 14 às 18 hs

Visão de finanças e mercados

Objetivos: Nessa etapa os proponentes irão aprender a buscar indicadores do setor no qual seu projeto está inserido. Nesse momento é importante discutir temas como gestão financeira, definição de preço, cálculo de payback, break even e custos iniciais da operação do negócio. Resultados Esperados: Conhecimento dos custos e retorno do projeto.

Encontro 09: 07/12/2019 - 14 às 18 hs

Marketing em Startup + Pitch + Clínica de Negócios

Objetivos: Esse ponto objetiva tratar temas como oratória, dinâmica de uma apresentação, neuromarketing, softwares de edição de vídeos, entre outros. Os participantes realizarão um workshop junto a um especialista em comunicação empresarial para confeccionar a apresentação do modelo de negócio através de um pitch. Resultados Esperados: Pitch criado.

Encontro 10: 14/12/2019 - 14 às 18 hs

Balcão de Mentorias

Objetivos: Finalizar as atividades com a apresentação de todos os projetos em um ambiente favorável ao empreendedorismo, preferencialmente com a participação de empresários, entidades do poder público, representantes de ambientes de inovação como incubadoras, parques tecnológicos, espaços de coworking etc. Nesta etapa, cada integrante do projeto irá realizar uma apresentação da sua ideia de negócios de maneira individual por meio do seu pitch. A apresentação se dará para uma banca examinadora que avaliará a proposta de valor sob vários aspectos e apresentará ao proponente um feedback com sugestões e críticas de melhorias. Dessa forma, tais projetos poderão ser direcionados para a pré-incubação em uma incubadora, aceleradora, ou um parque tecnológico. A finalidade é transformar os projetos em negócios sustentáveis em ambiente de networking para realizar negócios. Resultados Esperados: Projetos aptos a se tornarem negócios.

Ana Paula Gonçalves Serra

Professora da Fatec Ipiranga de ADS

Ana Paula Gonçalves Serra é doutora em Engenharia pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (2007). Mestre em Engenharia pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (2001). Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade São Judas Tadeu (1997). Professora na área de Engenharia de Software da Universidade São Judas Tadeu nos cursos de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Ciência da Computação, Engenharia de Computação e Sistemas de Informação, desde 2000. Professora concursada nas disciplinas de Engenharia de Software I e III no curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas na FATEC-Ipiranga, desde 2012. Membro da Comissão Assessora de Área de Sistemas de Informação - ENADE 2014 (período de 2014 a 2016) e 2017 (período 2017 a 2019). Possui experiência profissional em desenvolvimento de software e, vários trabalhos nacionais e internacionais publicados nas áreas de Engenharia de Software, Qualidade de Serviço e Computação Ubíqua. Áreas de Pesquisa: Engenharia de Software, Tecnologias Assistivas e Educação.

Fernando Marcio Bettine

Professor da Universidade São Judas Tadeu

Mestre em Computação Científica pelo Instituto Tecnológico da Aeronáutica e Engenheiro da Computação. Atuo como professor universitário no departamento de pós-graduação do IMT ? Instituto Mauá de Tecnologia, além de auxiliar na criação de novos cursos. Tenho experiência de 10 anos em docência no ensino superior em disciplinas de tecnologia, como gerenciamento de projetos e estrutura de dados. Ao longo dos meus últimos cinco anos, desenvolvi a cultura de inovação do GRUPO SEGURADOR BANCO DO BRASIL E MAPFRE, atuando na estratégia da organização para posicioná-la em um patamar de destaque, e como resultado, o GRUPO ganhou mais de 10 prêmios, sendo os mais relevantes como: Seguradora mais inovadora pelo Valor Econômico (2015 e 2016), Inovação e Criatividade em mídia pela Discovery (2015), entre outros prêmios. Com o objetivo de consolidar a cultura de inovação, desenvolvi em 2014 um modelo de inovação aberta customizado para o GRUPO, estabelecendo parceria com universidades. Em 2013 foi lançado o programa de agentes de inovação, profissionais que multiplicam a cultura de inovação em suas áreas de atuação, programa reconhecido pelo acionista MAPFRE como destaque em capacitação de inovação.

Antonio Fernando Nunes Guardado

PROFESSOR PLENO NA FATEC IPIRANGA

BACHAREL EM FÍSICA PELO INSTITUTO DE FÍSICA DA USP-1988, ESPECIALIZAÇÃO EM ANÁLISE DE SISTEMAS COM FERRAMENTAS ORACLE PELA FIAP-1998 E MESTRE EM TECNOLOGIA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PELO UNIFIEO-2004. PROFESSOR PLENO NA FATEC IPIRANGA COM CONCENTRAÇÃO EM BANCO DE DADOS E ENGENHARIA DE SOFTWARE.

Nicole Unger

Sócia e diretora de criação da Eólica

Sócia e diretora de criação da Eólica - consultoria de branding e inovação que trabalha para que marcas promovam experiências positivas e inovadoras. Fez pós-graduação em Gestão Empreendedora, especializou-se em branding na FGV, graduou-se em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de São Paulo e também estudou Design de Interiores na Escola Panamericana de Arte e Design. Atuou como estrategista e designer, tendo passado pelo Gad’ Innovation, Cauduro Associados e Epigram. Desenvolve e coordena projetos para clientes como Samsung, Itaú Social, MAPFRE, BB Seguros, Adyen, Fundação Telefônica, entre outros.

Claudia Aparecida Serrano

sócia- diretora da Arquitetura RH

Mestre em Administração de Empresas pela Universidade Presbiteriana Mackenzie , graduação em Psicologia pelo Instituto Metodista de Ensino Superior (1984).Atualmente é sócia- diretora da Arquitetura RH Consultoria e Treinamento Ltda e professora dos cursos de pós-graduação na Fundação Armando Álvares Penteado FAAP) e na Universidade Gama Filho. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Psicologia do Trabalho e Organizacional, atuando principalmente nos seguintes temas: seleção de pessoal, processos de assessment, orientação profissional, treinamento e desenvolvimento, análise organizacional.